sábado, 18 de dezembro de 2010

Planejamento estratégico para iniciantes

Washington Zucoloto

A sensibilidade de entender o que Deus quer e desafiar pessoas para realizar o projeto dEle!

Cada igreja tem sua forma particular de “administrar” seus projetos e suas atividades. Num Brasil com tantas complexidades eclesiásticas, não é minha intenção fixar uma regra. Desejo apenas dividir com você o que aprendi ao longo dos anos atuando no mundo corporativo e também em diversas denominações.
Acima de tudo, creio que a disposição de coração e a obediência à Deus é a “condição” mais poderosa que existe para transformar vidas e motivar uma igreja. O Planejamento Estratégico (PE) poderá ajudar a organizar melhor as ações que Deus quer de cada um de nós.
O desafio deste texto é responder algumas inquietações que podem ainda existir no coração de muitos líderes cristãos na utilização do PE.

- O que deve fazer e por onde deve começar uma igreja que nunca desenvolveu um PE?
- Quem deve se envolver? Todas as áreas/ministérios devem ser consideradas?
- Que roteiro deve ser seguido?

Permita-me fazer algumas perguntas que considero fundamentais para iniciarmos nosso “bate-papo”: Você liderou alguma construção ou reforma no templo nos últimos 5 anos ou qualquer outro projeto? Qual sua opinião sobre o envolvimento das pessoas, além do financeiro? O que faltou? O que poderia ser melhor?
Possivelmente, pela experiência ao longo dos anos, você respondeu que faltou PLANEJAMENTO ou ter dividido melhor as tarefas!
Enfim... Agora, você precisa pensar em como desenvolver melhor os próximos projetos ou, se estiver no meio dele, em mudar algumas atitudes para liderar melhor os desafios que estão pela frente.
Vou compartilhar com você 4 dicas de como iniciar, desenvolver e finalizar um planejamento, de forma estratégica, para que os resultados sejam mais motivadores e participativos.
Resultado numérico é uma conseqüência natural da qualidade do planejamento e da disposição das pessoas em realizar a vontade de Deus! (Vide Neemias).
Sem COMPROMETIMENTO não há planejamento que tire as pessoas de casa para realizar um projeto!

Dica 1: Saber onde você vai pisar!
Antes de realizar qualquer projeto, conheça seu público-alvo. Quem Deus mostrou, em oração ou pela Visão dada por Ele, que sua igreja pode e precisa alcançar? Como conhecer melhor as pessoas que serão alcançadas pelo projeto?
Você pode realizar algumas reuniões com seus lideres e nestes encontros conseguir informações valiosas através do próprio conhecimento deles. Faça isso! Depois me conte como irá mudar sua percepção inicial e os novos rumos para o projeto.

Dica extra: Eleja uma pessoa para anotar todos os pontos relevantes da reunião e lidere este encontro fazendo perguntas chaves para os participantes. As perguntas precisam ir de encontro ao projeto que pretende realizar com eles.

Dica 2: Use a razão dada por Deus!
Reúna todos os dados coletados nos encontros que vocês realizaram e classifique-os de uma forma mais organizada. Como organizar: Se seu projeto envolverá crianças. Qual a idade média delas? Moram com seus pais? Frequentam a igreja? Etc... Se seu projeto envolve universitários. Eles moram próximos da igreja? Tem alguma religião?

Dica extra: Esta fase exige um pouco de paciência e uma pequena habilidade em organizar os dados. Peça ajuda se não for sua “praia” lidar com números e gráficos simples. Para isto você não precisa de tecnologia nem comprar um computador para sua igreja!
Usar os números não extingue o Espírito. Eles apenas ajudam a organizar e entender melhor o que Deus falou que precisamos fazer! (Vide Neemias)

Dica 3: Analisar os pontos fortes, os fracos, as oportunidades e possíveis ameaças para o projeto.
Chegou a hora de olhar para o que vocês prepararam na dica 2 e transformar tudo isto em Estratégias e Metas bem claras. Vou dar um exemplo:
Nos dados coletados, foi constatado que a maioria das crianças no seu bairro moram com os pais. Isto pode ser uma OPORTUNIDADE para que outro projeto seja realizado em conjunto. Isto irá gerar várias ESTRATÉGIAS e AÇÕES para que a igreja se aproxime destes pais, com a graça de Deus!

Dica extra: Ameaça pode ser uma chuva que poderá cair na tarde que você planejou o evento ao ar livre e você terá que pensar num “plano B” se isto acontecer. Considere que tem irmão expulsando a chuva no dia do evento enquanto, à alguns quilômetros da igreja, outro orando para cair a mesma chuva para sustentar a família, que depende da colheita do feijão e do arroz!

Dica 4: Pessoas certas nas atividades certas!
Depois que você reuniu todas as informações que precisava com os encontros acima, agora é hora de sentar com uma equipe que tem uma noção básica de planejamento para elaborar as ações necessárias dentro do projeto.
Você não precisa de grandes mestres na área de planejamento. Uma pessoa organizada e que tenha liderança pode lhe auxiliar nisto.

Dicas extras:
- Faça uma lista de atividades claras e organize por responsáveis e prazos.
- Desafie as pessoas a se envolverem no projeto de acordo com seus dons e ministérios. Este processo é motivador!
- Convide-as pessoalmente e apresenta-as à Igreja como participantes e/ou líderes de cada atividade dentro do projeto. Isto valoriza e gera comprometimento!
- Acompanhe como gestor e delegue todas as atividades. Não perca o foco!
- Ore com as pessoas desanimadas e não pare a obra dando ouvidos aos que querem atrapalhar o projeto. (Vide Neemias)
- Depois de concluído o projeto, reconheça todos os envolvidos diretos e indiretos de forma que se sintam motivados a contribuírem com outros desafios. Sabendo que o que realizaram foi para a honra e glória de Deus!

Antes de iniciar, ore, como fez Neemias. Copiar projetos, simplesmente para dizer que temos, pode ser um equívoco missionário. Deus tem o melhor para cada um!
Os desafios e as oportunidades podem estar diante dos nossos olhos. Acredite! Recomendo que oremos de olhos abertos! Sempre dobramos nossos joelhos prometendo MELHORAR a cada ano, não é mesmo?!
Uma última pergunta: Estamos melhorando?

Dica extra: Que tal fazermos do dia de hoje o mesmo que fazemos todo dia 31 de dezembro? Orar e pedir a Deus agora mesmo sabedoria para utilizar o PE?!

Publicado originalmente em: Instituto Jetro

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Grupos do Google
Receba em seu e-mail, Textos Reformados Selecionados
E-mail:
Visitar este grupo