quarta-feira, 27 de julho de 2011

Investindo seus recursos

Enoque Caló

Baseado em João 6:1-14

Na primeira multiplicação dos pães, registrada no evangelho de João, podemos tirar algumas lições preciosas para nossa vida. Especialmente sobre o nosso modelo de gestão sobre as provisões que foram geradas por Deus e a difícil tarefa de distinguir as sementes dos pães e investir em um ministério transparente.
Este relato traz o registro do garoto que estava em meio à grande multidão. Estudiosos calculam que eram cerca de doze mil pessoas, e um garoto foi encontrado com provisão. Portanto, além de poder ouvir os sermões, os ensinamentos de Cristo, na hora do lanche, na hora do descanso, ele teria sua provisão para alimentar sua fome fisiológica.

Vamos à lições que podemos ressaltar:

1º) Finanças era um assunto tratado de forma transparente

Cristo, com ministério completo e perceptível as necessidades alheias, abriu mão do seu descanso para poder resolver um problema corporativo.
Ao chamar um dos seus discípulos, provavelmente o segundo homem das finanças, este aplicou o princípio da transparência, expressando quanto de numerário eles tinham em caixa para aquela situação emergente. Esta parte é importante pontuar.
O dinheiro não estava concentrado somente em uma pessoa. Cristo delegou a gestão financeira a terceiro. Para os discípulos saberem que tinham um garoto com provisão eles tinham que andar no meio deles, comungar e desenvolver diálogo.
Deve se evitar cuidar de pessoas e de cifras e normalmente quem tem esta dupla tarefa corre o risco de ficar dividido entre almas e cifras monetárias ou então atribuir valores ao cuidado da alma mediante o quanto esta representa financeiramente ao seu ministério.
O garoto era uma pessoa cuidadosa em relação a sua provisão e o ministério de Cristo usava do princípio da publicidade. Tornar público os valores monetários que seu ministério dispunha. Será que por isto que tantas mulheres da classe alta e média da época eram investidoras do seu ministério?
Cristo não tinha necessidade de saber quanto dinheiro restava em caixa, até porque Ele demonstraria o poder do seu milagre diante de tantas pessoas.


2º) Sempre teremos nas mãos sementes e pães

O garoto, citado pelo evangelista João, e somente por ele, tem disposição para colocar sua provisão no ministério de Cristo, e não esqueça que era o "ministério transparente".
Esta história mostra que sempre teremos em nossas mãos semente e pão.
Quando um agricultor passa por dificuldade em sua vida pode correr o risco de querer comer as sementes e quando se come as sementes, acaba-se com o futuro.
O garoto doou tanto os pães como as sementes para o ministério de Cristo, repito, um ministério transparente.
Leia o texto com calma e perceberá que após o milagre sobejaram doze cestos de pães. Perceba que sobejaram somente pães. Desta forma os pães era "a semente" e os peixes eram os "pães".

3º) Organização administrativa do ministério transparente de Jesus

A logística de pedir para que os homens se assentassem também demonstra a organização administrativa do ministério de Cristo.
Milhares de pessoas que poderiam ser tratadas com baciadas, mas o ministério transparente e organizado de Cristo conhecia muito bem os princípios da funcionalidade de Gestão de Pessoas e de forma excelente, faz uso deste princípio.
Sei que diversos sermões já foram ministrados utilizando-se deste texto a fim de estimular as pessoas a doarem seu tudo, a colocar toda provisão em ministérios, mas a observação que queremos deixar é: Aprenda a distinguir suas sementes dos seus pães e questione a transparência do Ministério em que pretende investir.
Se este tiver alguma semelhança com o modelo deixado por Cristo, vá em frente, pois em terra fértil os frutos serão vistos e abençoará de forma especial as pessoas que tem necessidades fisiológicas e espirituais.
Outro detalhe importante desta organização é que o ministério transparente de Cristo usava do princípio da poupança, pois não desperdiçaram a sobra. Tudo que sobrou foi recolhido e guardado para depois ser usado. (sementes).


Original publicado em www.institutojetro.com/

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Grupos do Google
Receba em seu e-mail, Textos Reformados Selecionados
E-mail:
Visitar este grupo